Maneiras de fazer um redirecionamento em seu domínio

Maneiras de fazer um redirecionamento em seu domínio

Maneiras de fazer um redirecionamento em seu domínio

 

Em algumas situações, você poderá acessar um domínio seu e este apontar para outro domínio ou alguma pasta específica de um domínio; o nome disso é redirecionamento. Ele pode ser configurado em um domínio ou subdomínio.

Existem várias maneiras de efetuar um redirecionamento e neste tutorial vamos ver todas as opções disponíveis:

1. Redirecionamento via código HTML:

Devemos acrescentar no código uma TAG META entre as tags <head> e </head>. Por exemplo:

<!DOCTYPE HTML PUBLIC "-//W3C//DTD HTML 4.01 Transitional//EN">
<html>
<head>
<meta http-equiv="content-type" content="text/html; charset=windows-1250">
<meta name="generator" content="Zocka.com.br, www.zocka.com.br">
<meta http-equiv="refresh" content="1;url=http://www.endereço_a_ser_redirecionado.com">
<title>Título da página</title>
</head>
<body>
Minha página<br></body>
</html>

Neste redirecionamento, definimos qual o endereço que será apontado e o tempo que levará até que a página encaminhe ao endereço. Onde tem o número “1”, coloque o tempo em segundos que o navegador irá esperar até efetuar o redirecionamento. O valor mínimo deve ser 1, pois o 0 (zero) não é reconhecido por todos os navegadores e sistemas.

2. Redirecionamento via código HTML usando Frame:

Devemos adicionar um código de redirecionamento dentro de uma TAG FRAME. Exemplo abaixo:

<!DOCTYPE HTML PUBLIC "-//W3C//DTD HTML 4.01 Transitional//EN">
<html>
<head>
<meta http-equiv="content-type" content="text/html; charset=windows-1250">
<meta name="generator" content="Zocka.com.br, www.zocka.com.br">
<title>Título da página</title>
</head>
<frameset rows="100%" border=0>
<frame name="site" src="http://www.endereço_a_ser_redirecionado.com" />
</frameset>
<body>
Minha página<br></body>
</html>

Neste redirecionamento, existe uma particularidade em especial. O endereço que aparece no navegador não será alterado, permanecendo o mesmo para o visitante, mesmo que o conteúdo mostrado seja da página redirecionada.

O código deve ser colocado depois da TAG </head>.


3. Redirecionamento via JavaScript:

Devemos acrescentar uma linha de código simples dentro de uma TAG SCRIPT. Exemplo:

<!DOCTYPE HTML PUBLIC "-//W3C//DTD HTML 4.01 Transitional//EN">
<html>
<head>
<meta http-equiv="content-type" content="text/html; charset=windows-1250">
<meta name="generator" content="Zocka.com.br, www.zocka.com.br">
<title>Título da página</title>
<script type="text/javascript">
window.location = "http://www.endereço_a_ser_redirecionado.com"
</script>
</head>
<body>
Minha página<br></body>
</html>

Neste redirecionamento, o Javascript é quem se encarrega de enviar o visitante para o endereço desejado.


4. Redirecionamento via PHP:

Devemos acrescentar uma simples linha em um arquivo PHP, nesta linha estará o código para redirecionamento.

<?php
header("Location: http://www.endereço_a_ser_redirecionado.com");
?>

A vantagem deste método, é que o PHP roda direto no servidor, antes da página ser enviada para a web para acesso via navegador. Portanto, o redirecionamento será mais rápido, mesmo que a diferença seja quase imperceptível. Além da página 
ficar menor, mais leve.

>> Outra opção, seria através de um echo com a tag META dentro dele, por exemplo:

<?
echo "<meta http-equiv='refresh' content='1;URL=http://www.endereço_a_ser_redirecionado.com>";
?>


5. Redirecionamento via .htaccess:

Dentro do arquivo .htaccess que está dentro da pasta public_html/ de sua conta, basta adicionar a linha abaixo:

RewriteCond %{HTTP_HOST} ^domínio\.com\.br$ [OR]
RewriteCond %{HTTP_HOST} ^www\.domínio\.com\.br$
RewriteRule ^/?$ "http\:\/\/domínio\.com\/pastaredirecionada\/" [R=301,L]

Este redirecionamento é mais complexo e indica (no exemplo acima) que o domínio “domínio.com.br” (sem aspas) irá redirecionar para “domínio.com/pastaredirecionada/” (sem aspas). Pode ser sem a pasta também.

Para entender melhor o código, vamos separar ele em partes:

a) Parte 1

RewriteCond %{HTTP_HOST} ^domínio\.com\.br$ [OR]

Nesta linha, definimos qual o domínio que será redirecionado. Antes de cada ponto, é preciso ter uma barra caída para esquerda (\). Digamos que o domínio fosse dominiobonito.com.br (exemplo apenas), a linha ficaria assim então:

RewriteCond %{HTTP_HOST} ^dominiobonito\.com\.br$ [OR]

b) Parte 2

RewriteCond %{HTTP_HOST} ^www\.domínio\.com\.br$

Nesta linha, estamos apenas definindo que o domínio com WWW. também será redirecionado ao ser aberto. Novamente, digamos que o domínio fosse dominiobonito.com.br (exemplo apenas), a linha ficaria então:

RewriteCond %{HTTP_HOST} ^www\.dominiobonito\.com\.br$

c) Parte 3

RewriteRule ^/?$ "http\:\/\/domínio\.com\/pastaredirecionada\/" [R=301,L]

Esta linha é onde definimos o local para onde o domínio irá redirecionar, podendo ser um domínio apenas ou uma pasta de um domínio. No final da linha, o 301 informa o tipo de redirecionamento, que poderia ser também 302, que é um redirecionamento temporário. Para exemplificar, digamos que queremos redirecionar para o domínio dominiofeio.com.br (exemplo), veja como ficaria a linha:

RewriteRule ^/?$ "http\:\/\/dominiofeio\.com\.br" [R=301,L]

 

Aproveitando sobre a questão do 301e 302, devemos sempre que possível utilizar o redirecionamento 301, pois é muito útil para SEO. Ele serve para “informar” aos robôs de busca (como do Google) que a sua página foi “movida permanentemente”, ou seja, foi movida para um novo local de forma definitiva. Isto evita que haja possível perda de PageRank. Vejamos abaixo as mesmas maneiras citadas acima de fazer redirecionamento, agora com a opção 301 configurada:

1. Redirecionamento 301 via código HTML, Frame ou Javascript:
 
Um redirecionamento apenas com HTML sempre será do tipo 302, então evite sempre que possível utilizar este tipo.
O mesmo para Frame e Javascript.

2. Redirecionamento 301 via PHP:
 
<?php
Header( “HTTP/1.1 301 Moved Permanently” );
header("Location: http://www.endereço_a_ser_redirecionado.com");
?>

3. Redirecionamento 301 via .htaccess:
 
Já foi citado anteriormente. Prestar atenção na parte:

[R=301,L]

É ela quem indica no .htaccess o tipo de redirecionamento.

4. Redirecionamento 301 no WordPress:
 
Para quem utiliza WordPress e quer efetuar um redirecionamento 301, existe um plugin para isso, chamado Redirection. Você poderá baixar o mesmo pelo link:

Mas em que situações você iria fazer um redirecionamento no WordPress? Só para citar um exemplo, digamos que você mude o endereço de algum post de seu blog e queira manter o endereço antigo. Neste caso, entraria em cena o Redirection, que faz tudo de forma automática.

Essas são as principais maneiras de se fazer redirecionamento, existem outras com outras linguagens, mas procuramos nos ater às mais importantes.